7 melhores no ranking dos Etichatos

As redes sociais facilitaram a interação e troca de informações, mas, em muitos casos, “deseducam” – como sabemos. No caso da Etiqueta tem a Faketiqueta. Duvidam? Reuni 7 das muitas pérolas que recebo para que vejam a que ponto chega a falta de sensibilidade de alguns – que se dizem mestres e inventam dogmas sem a menor sustentação de bom senso ou cortesia.

Porta Retrato é Brega – quem disse? Desde quando eternizar um momento ou lembrança boa em uma imagem emoldurada ao nosso alcance tornou-se indesejável? E por que “brega” se encontro esse item em vários materiais harmonizando com a decoração da casa, preenchendo espaços vazios, mas, principalmente, trazendo de volta bons momentos e sensações? Muito pior é não ter boas lembranças para emoldurar.

Positive young black waiter serving terrace restaurant guests at table.Focus on the man

Não se agradece ao garçom – você leu direito! A explicação é que, como ele está fazendo “apenas” seu trabalho, não se agradece. Oi!? Quer dizer que também não agradecemos a comissária de bordo quando nos serve ou ao motorista de aplicação terminada a corrida?

Cotovelo grudado ao corpo – essa é incrível: temos que erguer a taça para um brinde sempre com os cotovelos colados ao corpo – e quem consegue fazer isso sem parecer um robô com defeito? E por que mesmo? Aff!

Monograma na toalha – manda a Etiostentação que ofereçamos aos hóspedes toalhas de banho com suas iniciais monografadas. Ouviram em algum lugar que podemos bordar iniciais nas toalhas de banho para personalizar e facilitar – mas daí a bordar para o hóspede – não tem cabimento, concordam?

Visual de Hospital – crueldade dos etichatos:  acompanhando alguém no hospital não podemos dormir de pijama: pode haver “alguma urgência” … E vou dormir de botas à espera da urgência?! Desde quando hospital é lugar para regras de moda?

Small pancakes with knife and fork,It’s on blue gingham table cloth.

Restrições alimentares – no ímpeto de mostrar serviço, algum cerimonialista sugeriu colocar um campo específico no convite das festas com os dizeres “Restrições alimentares RSVP no número ….” Ora, em uma festa grande ou pequena a regra é fazer um Menu versátil – já prevendo isso. Já pensou tentar agradar a todos? Sem falar que os que têm restrições severas, sabendo disso tomam suas precauções sem alarde…

Talheres Dourados – como a tendência de talheres dourados pode passar, devemos escolher um jogo de “pouca qualidade” para não investir muito. Ora, talheres são usados diariamente e feitos para durar, prefiro investir em qualidade sempre!

Não caberia aqui, mas tem muito mais – e a ideia era mostrar a variedade de absurdos que inventam, quando na verdade bastaria cultivar melhor e muito mais as 3 palavras mágicas “com licença” “por favor” e “obrigada” – é mais simples e sempre melhora muita a vida!