Festa de confraternização… sabe pra que serve ?

Sim, parece a mesma coisa mas não é… E se você é avesso a muitas festas repense.  A ideia das confraternizações que acontecem o ano todo vai  muito além da obrigação de ficar aqueles 15 minutos interagindo com os funcionários no Natal – como pensam alguns patrões e chefes da velha guarda. A Festa de fim de ano da empresa é organizada pela empresa e em geral acontece mesmo só por ocasião do Natal.

Já as reuniões de confraternização acontecem periodicamente e variam de lugar e horário – sendo quase sempre no horário de Happy Hour, mas não necessariamente. Pode se semanal, mensal e até bimensal, mas é importante e todos sabem que devem se esforçar para comparecer pois acaba  criando laços entre todos os membros para que eles formem um verdadeiro time.

Ora, a essa altura todos sabemos que o sucesso de toda empresa depende diretamente da integração de todas as equipes, e quanto mais seus profissionais se conhecerem,  melhor podem  colaborar uns com os outros para alcançar os objetivos propostos.

Muitos já perceberam que as confraternizações são tendência, e em ritmo acelerado. E que a razão por detrás disso não é só divertimento (por parte dos funcionários ou ser apreciado e se tornar popular no caso de ser chefe).

Uma festa no escritório é um botão de escape após um certo período de trabalho muito  focado (pode ser uma semana, um mês etc) e promover esse tipo de festa mostra aos seus funcionários o quão essencial eles são  e o quanto a empresa e chefia respeita o capital e potencial humano.

Ter um tempo descontraído com colegas e outros profissionais ligados a sua atividade e conectar-se a eles positivamente, torna o tempo passado no escritório mais agradável. E mais; naturalmente que um ambiente prazeroso e positivo pode trazer um desempenho superior.

Aposte sim na sua confraternização! E procure , sempre que der , separar um tempinho para falar sobre: gratidão, novas idéias, equipes…

E claro,  não esqueça de parabeniza-los – em particular  e para os outros – isso é essencial e muito mais importante  do que parece.