Como dar Presentes

Reuni aqui várias dúvidas que foram chegando e espero que ajude a esclarecer.

Dividir um presente com alguém que está sem grana – perfeito, desde que fique claro que são duas ou mais pessoas que estão dando – e que todos assinem um cartão ou mensagem.

Para quem “devo” dar presentes? – para quem você sente vontade, claro. Mas existem alguns que são obrigatórios e não tem como escapar…

Aniversário de parentes e amigos– preciso comprar? Parentes super próximos e queridos merecem pelo menos uma lembrança. Já os outros mais distantes e que vemos pouco, depende do caso. No entanto se há uma comemoração para a qual você foi convidado, não há como chegar de mãos vazias…

Já os amigos, acredito que há aqueles que independente de comemorar junto ou não, são amigos da vida, que nem é preciso esperar o aniversário para presentear. Basta ter vontade, ou ver algo que sabemos que é a cara dele…

Presente para namorado ou ficante – se der fora de data melhor ainda, mas não dar em datas especiais é imperdoável – simples assim.

 Presentear com tato –  se vai dar roupa, tem que conhecer o estilo e preferência do outro. Mas não só isso: não dá pra comprar, por exemplo, um número minúsculo porque estava na liquidação e era o último… Roupa precisa poder trocar, tá?

E um numero bem maior ? Se for beeeeem maior a pessoa pode ficar ofendida mas, apenas um numero maior não tem problema – e você pode justificar avisando que o fez por segurança e é mais fácil apertar…

Se ganho um presente tenho obrigação de retribuir?– não de imediato, mas, em uma data oportuna é delicado retribuir sim. Já, agradecer é obrigatório – e o mais rápido possível…

Posso presentear chefe ou superior na empresa? Não é obrigatório e nem adequado. A não ser que a pessoa tenha uma amizade pessoal com você. Nesse caso faça isso em particular, apenas no aniversário e com um mimo discreto.

 




Como fazer brindes presidenciais – saudações perigosas

Presidente Jair Bolsonaro , durante o almoço de recepção no Itamaraty , oferecido ao Presidente Maurício Macri, em visita de cortesia .

Direita e esquerda: Essa divergência em vários assuntos podem gerar muitas confusões, até mesmo numa mesa de jantar ou banquete oficial – Já falamos sobre o costume de se brindar com a mão direita que remonta dos tempos em que Reis e Rainhas – O único momento em que os convidados ficavam próximos do monarca era à mesa, na hora das refeições e eram assassinados no momento em que, desprevenidos, levantavam um brinde e alguém próximo atacava (em geral com faca ou espada). Pelo visto nossos governantes nunca ouviram falar… Vejam nas outras fotos abaixo e vai ver que, independente e corrente ideológica, o ex-presidente Michel Temer, como Dilma Rousseff com Evo Morales, nessa imagem erguem a taça com a mão esquerda – seja com a Rainha Silvia da Suécia seja com o presidente Maurício Macri da Argentina.

Na imagem de abertura deste Post, o Presidente Jair Bolsonaro finalmente acerta: ergue a taça com a mão direita (correta).  Apenas não entendi porque a dele é de um modelo diferente (dos antigos) da flute usada pelo Presidente Maurício Macri – uma vez que, para esse momento do brinde é usado o mesmo tipo de vinho para todos e a taça usual é a flute longa… Mistérios de um serviço atrapalhado – que só fez deixar a imagem confusa…

Brasília – O Presidente da Bolivia, Evo Morales e a Presidente Dilma Rousseff durante almoço no Itamaraty (Antonio Cruz/Agência Brasil)

Brasília – O vice-presidente da República, Michel Temer, e a vice-presidenta da Argentina, Gabriela Michetti, durante almoço no Palácio Itamaraty (Marcelo Camargo/Agência Brasil).

 




Uniforme para cerimonial com visual bonito e funcional: é possível!

Muito já se falou de uniformes para quem faz Cerimonial – inclusive causei uma enorme polêmica por ter  dito que o uniforme não pode ser confundido com a roupa de convidadas quando o evento é mais festivo, como casamentos e outros eventos sociais. Continuo a afirmar isso: quem já trabalhou em grandes eventos internacionais e públicos sabe que não há lugar para esse tipo de confusão quando você é responsável por todo o andamento de um evento que está na mídia para o mundo inteiro ver.

Mas voltando ao uniforme: como fazer (principalmente as mulheres) para usar uma roupa que seja confortável, elegante e clássica ?

(Sim, tem que ser clássica. Não se muda o uniforme a cada evento, ele deve ser como uma marca registrada daquela empresa ou grupo).

Não é fácil. Nesse post vão algumas sugestões, depois de uma pesquisa onde inclusive foram testados alguns modelos onde saíram ganhando esses que escolhemos com carinho.

Acima dois modelos para eventos mais sociais. Adoro o da esquerda porque é versátil, e permite que se coloque e tire o casaquinho  conforme o clima. A parte de cima do vestido e em tecido leve e lavável e o tom em creme, super elegante iluminando e valorizando pele e olhos de todas as cores. O tom de cor de rosa da direita é super feminino mas o corte reto e a combinação com o preto dá a ele uma sobriedade leve. Sem falar que as mangas são no ponto para não esquentar e deixar os ombros discretamente cobertos…

Acima dois modelos em preto e branco que não erro: o modelo sem manga para regiões mais quentes é estruturado o suficiente para dar um caimento chique e continuar fresquinho. E o da direita é a versão super clássica do rosa e preto…

Esses modelos estão super dentro das “tendências” de moda, mas permitem que sejam usados sapatos com saltos médios ou mais grossos (sim, a gente anda muito e ninguém aguenta salto fino e alto durante todo um evento de muitas horas)…

E, mais importante: não tem excessos de fendas, decotes, laços, franjas como alguns que muitas vezes vemos serem adotados em eventos sociais. Nesse ponto sou ultrapassada sim,  como uma colega indignada reclamou nas redes sociais. Prefiro ser ultrapassada a comprometer o trabalho (sem falar na postura e movimentação) da minha equipe ou o meu, administrando lacinhos e babados fora do lugar ou puxando sainhas curtas para baixo. Menos é mais. Sempre.

Serviço – modelos da PA Concept.

www.paconcept.com.br




Tome-Ishi: quando o proibido fica lindo

o

Essa linda pedra amarrada é a forma ultra sutil de os japoneses dizerem “não passe”; utilizada para indicar a direção a seguir em bifurcações de jardins – principalmente quando acontece uma cerimônia de chá ou evento privado para não incomodar convidados.
É chamada de TOME-ISHI (tome= parar, ishi=pedra).
Essa é a explicação da professora de etiqueta japonesa Lumi Toyoda que muito me ensinou por ocasião da vinda do Príncipe Herdeiro Naruhito do Japão, quando o recebemos em um jantar para expoentes da nossa valorosa colonia japonesa no Brasil.
Quando se trata de delicadeza e sobriedade japoneses são imbatíveis!



PRESENTES DE FIM DE ANO – LAMAJ DO JAMAL

Ok, sabemos que não dá para presentear com chinelos e meias o chefe, ou com perfumes aquela cliente especial (mais por ser algo muito pessoal e dificilmente a gente acerta).
Mas quitutes e iguarias, podem ser uma ótima pedida – nesses tempos em que todos ou cozinham ou são fãs de algum Chef com programa de TV (ou frequentadores de algum restaurante descolado – seja ele mais sofisticado, um simples boteco ou food truck) .
Por isso recomendo não apenas para dar de presente mas também para ter em casa a nova linha Lamaj, do querido Jamal.
São cinco as novas delícias para quem gosta de experimentar novos sabores! É uma linha de acompanhamentos que vai transformar os ingredientes mais comuns do dia a dia:  geléia de whisky com tangerina, creme de limão cravo (sensacional para peixe e saladas), mostarda com bocaiúva, super exótica para comer com frango e linguiças, cebolas caramelizadas e defumadas para acompanhar carnes e peixes…

Tudo com base na gastronomia artesanal do Jamal, já conhecido por sua linha de pimental insuperável e que, ao lado da mulher e das filhas, nos proporciona com esses temperos. Refeições de verdadeira, plenitude do paladar…

Quem mora em Sampa pode aproveitar o fim de semana para conhecer de perto: a linha Lamaj pode ser encontrada na rua Dona Germaine Buchard 560 – alem dos bons supermercados. O site para mais detalhes é www.lamaj.com.br – experimenta e me conta!